segunda-feira, 25 de novembro de 2013

O Espiritismo no Google Adwords



Os temos “Livro Espírita” e “Evangelho Segundo o Espiritismo” foram os mais consultados em outubro de 2013 no Brasil

A partir das pesquisas de palavras feitas pelos internautas, o Google disponibiliza consulta dessas palavras com seu indicativo de frequência com que elas são pesquisadas, para subsidiar e determinar preço em contratos visando o aparecimento dos links desejados logo na primeira página de cada pesquisa.
Assim, se eu tenho uma livraria espírita e pretendo que as pessoas me localizem com mais facilidade, eu escolho as palavras para as quais o link da minha livraria vai ter destaque. Termos como: livro espírita, obra espírita, autor espírita etc. O preço a pagar por esse serviço leva em conta a quantidade de vezes que a palavra é digitada nas pesquisas. Quanto maior a quantidade, menor o preço a pagar.
Realizei essa pesquisa com o termo “espírita” no começo de novembro de 2013 e verifiquei que “Livro Espírita” foi mais consultado com 72 mil pesquisas feitas em um mês, seguido por “Evangelho Segundo o Espiritismo” com 24 mil, vindo a seguir “Momento Espírita” com 20 mil, “Vade Mecum Espírita” com 15 mil e “Centro Espírita” com 14 mil, “Palestra Espírita” com 6 mil, “Filme Espírita” com 3 mil e “TV Espírita” com apenas 880 pesquisas no mês.
Com esses dados podemos inferir que os livros espíritas estão despertando atenção de espíritas e não espíritas e isso deve resultar em um aumento de vendas, tendência que perdura a mais de dez anos. Dos livros pesquisados, o Evangelho Segundo o Espiritismo é o mais pesquisado para consulta em PDF ou para compra, resultado da posição assumida pelo Movimento Espírita Brasileiro para destacar o aspecto religioso da doutrina.
Surpreendeu positivamente a quantidade de consultas feitas no link: www.vademecumespirita.com.br/. Isso significa o interesse das pessoas pelo estudo, pois esse site possibilita consultar em que livro foi abordado o tema que a pessoa está estudando ou preparando uma palestra.
A expressão “Momento Espírita” parece não indicar um interesse específico, pois há vários sites que utilizam essa expressão. Os principais são a Federação Espírita do Paraná e o programa da Rádio Boa Nova.
A busca por “Centro Espírita” é também significativa, pois há inúmeras outras buscas não contabilizadas nos 14 mil apurados, com termos como: casa, núcleo, grupo, sociedade, associação etc. Digitei “Centro Espírita” no Google e ele informou ter encontrado 1 milhão de páginas com ela. Isso indica que devem ser  minoria as casas espíritas que não possuem ainda uma página na Internet, seja um domínio próprio ou uma presença nas redes sociais.

Consultei também o http://www.google.com.br/trends/ que mostra em gráfico o número de pesquisas efetuadas para um determinado termo, em relação ao número total de pesquisas feitas no Google entre os anos de 2004 e 2013. Os dados são apresentados em uma escala de 0 a 100.
Os estados que mais pesquisam “Centro Espírita”, são: Rio de Janeiro (100), Rio Grande do Sul (81), Distrito Federal (72), São Paulo (67) e Santa Catarina (66).
Pesquisei simultaneamente dois termos: Espírita e Evangélico. O gráfico mostra que a palavra “Espírita” é mais consultada do que a palavra “Evangélico”. Todavia, a pesquisa do termo Espírita mostra uma clara redução até novembro de 2013 enquanto o termo “Evangélico” apresenta recuperação a partir de outubro de 2011.
A palavra “Espírita” apresentou o índice máximo de 100 em agosto de 2004 (o que teria acontecido?). Voltou a subir em abril de 2010 com o índice 80. Também houve um pico de consultas a “Chico Xavier” no mesmo período de abril 2010 atingindo o índice 100 e caindo para 13 em novembro de 2013.
Ao pesquisar “Carlos Baccelli”, o gráfico mostra que de 2004 a junho de 2009, o índice de consultas era zero (sem dados quantitativos suficientes). Em julho de 2009 apresentou um pico surpreendente atingindo a marca de 84 pontos no Google. Em agosto de 2010 atingiu 100 e depois mostra uma pequena tendência de baixa com 77 em outubro de 2013. Esses números mostram que a polêmica sobre seus livros despertam interesse e devem representar maior volume de livros.
A palavra “Médium” apresentou zero entre 2004 a julho de 2005, quando atingiu 62 pontos. Teve o pico de 100 em outubro de 2006 reduzindo gradativamente até outubro 2013 com 27 pontos. Associado a essa palavra, o nome mais procurado foi “João de Deus”. Distrito Federal foi que mais pesquisou (72), seguido por Santa Catarina (63), Bahia (60) e Minas Gerais (56).
Para compararmos o interesse das pessoas pelos assuntos, pesquisei a palavra “futebol”. Em janeiro de 2004 tinha 59 pontos, atingindo 88 em junho de 2006 e o pico máximo de 100 em junho de 2010, caindo para 50 pontos em novembro 2013. A diferença é que nos termos espíritas aparecem apenas os estados do sul e sudeste e a palavra “futebol” é consultada por todos os estados brasileiros. Afinal, Brasil é a Terra do Futebol e, se Deus é brasileiro, o entendimento dele ainda está distante do que mostra a Doutrina Espírita.